Tire suas dúvidas sobre hemorroidas e viva com mais conforto e qualidade

Apesar de não falarmos muito sobre isso no nosso convívio social, é sabido que cerca de 50% da população tem hemorroida. Ou seja, elas são mais comuns do que a gente imagina. E qualquer pessoa pode ter! A sorte é que o tratamento pode também ser mais simples do que se pensa. Sim, hemorroidas tem cura! Vamos saber mais sobre isso?   

Como saber se eu tenho hemorroidas?

A hemorróida é identificada pelo inchaço e pela inflamação das veias (vasos sanguíneos) existentes na área do canal retal e do ânus, também chamados de mamilos hemorroidários. Essa dilatação pode ser interna (apenas no reto) ou externa (nodulações ao redor do ânus) e costuma causar, como sintomas, dores intensas, incômodos, coceira, dificuldade para defecar e presença de sangue nas fezes. Quase todos esses casos referem-se às hemorroidas externas. Em geral as hemorroidas internas não causam incômodo, sendo até mais difíceis de identificar.

O que causa hemorroidas?

As causas da inflamação podem ser as mais diversas e inusitadas. Dentre elas estão a ocorrência frequente de diarreia ou prisão de ventre, a pouca ingestão de líquidos ou de fibras, predisposição genética, uso incorreto do papel higiênico, gravidez, esforço excessivo na evacuação e até mesmo ficar muito tempo sentado no vaso sanitário. A prática de sexo anal também pode ser considerado um motivador das hemorroidas.

Como me prevenir para não ter hemorroidas?

A hemorroida pode ser prevenida com uma alimentação mais saudável e rica em fibras, com a ingestão de pelo menos 2 litros de água por dia, e também realizando atividades físicas com regularidade. Uma dica valiosa é evitar ficar muito tempo sentado no vaso sanitário (mexendo no celular, por exemplo!).

Como é feito o tratamento para hemorroidas?

Existem tipos diferentes de tratamento para hemorroidas, dependendo do grau de inflamação das veias. As opções de tratamento mais indicadas são:

– A princípio pode ser tomada uma medida caseira, porém muito útil: o banho de assento com água quente para aliviar a dor e o incômodo. Também são indicadas pomadas específicas para hemorroidas, pois possuem propriedades vasoconstritoras e anti-inflamatórias – sempre com a indicação do seu médico, que poderá indicar também remédios como o paracetamol, para redução do inchaço na região.

– Para uma inflamação ainda baixa, um dos tratamentos não-cirúrgicos indicados é a coagulação infravermelha. São utilizados feixes de luz para coagular os vasos responsáveis por levar o sangue para a região das hemorroidas. Desta forma, acontece a “morte” das hemorroidas, que encolhem definitivamente. Apesar de poder causar certa dor, essa técnica é rápida e não necessita internação, podendo o paciente ir para casa logo após o procedimento.

– Para casos considerados graves e/ou recorrentes, como quando as hemorroidas se rompem ou ficam presas no ânus, outros procedimentos são indicados. Dentre eles, as mais comuns são:

Ligadura elástica – São presos alguns elásticos nas bases das hemorroidas, cortando a circulação nas veias inflamadas, que secam e caem naturalmente dentro de alguns dias.

Grampeamento – Indicado para hemorroidas internas, essa operação consiste em utilizar um instrumento que remove o tecido e, simultaneamente sela a cicatriz aberta. Pode causar certa dor, mas promove uma recuperação mais rápida.

Cirurgia convencional (hemorroidectomia)  – Tratamento indicado para os casos mais graves. Gera maior incômodo e dor devido aos cortes feitos na operação, mas já constata melhora em dois dias após o procedimento. Depois de aproximadamente um mês a cicatrização é finalizada e em 15 dias o paciente já pode estar de volta à rotina.

Hemorroida tem cura!

Independente do grau de evolução da inflamação das veias, é importante saber que hemorroida tem cura através de tratamentos viáveis. Você já sentiu algum sintoma parecido com os descritos acima? Então é hora de se cuidar. Procure um médico de confiança, faça os exames necessários e passe a viver bem melhor, sem esse incômodo.

 

O Instituto Mário de Abreu conta com uma equipe especializada para cuidar de você. Marque já a sua consulta com um de nossos especialistas pelo número (41) 3232-1262.